Reforma da previdência

Para o Líder do Podemos, senador Alvaro Dias, a reforma da previdência é importante, será amplamente debatida pelo partido, mas há outras reformas que o Congresso precisa discutir com urgência, especialmente a o sistema financeiro.

Uma resposta para “Reforma da previdência”

  1. Prezado Senador,
    Osmar Garzon , sou de Ribeirão Preto-SP, aposentei ( INSS ) aos 58 anos, com 38 de contribuições, queria trabalhar mais, porém não tive oportunidade.
    Quando da minha aposentadoria, fui prejudicado pelo fator previdenciário, também pela não correção da tabela do IR, agora essa proposta de nova previdência, caso eu morra, minha esposa só vai receber Pensão de 60% do meu salário atual ( que já não é muito ), pergunto: será que minha esposa terá desconto de 40% para pagar : IPTU -IPVA, outros impostos e taxas, quem possui filho que não tem emprego ou estuda e precisa de ajuda, remédios, vai criar um monte de miseráveis sem dinheiro pra nada.
    E os gastos públicos , nesta cidade professor (a) que se aposenta com 8 horas semanais para ensino fundamental com salários superiores a R$ 17.000,00 ( talvez os maiores do Brasil ) motorista da Câmara de Vereadores com salário de R$ 18.000,00 – Alguém deve corrigir esse erro, Grato, seu Eleitor para Presidente em 2018.

Os comentários estão desativados.